08 setembro, 2011


Foi esta tranquilidade e serenidade que me devolveste quando entraste na minha vida. Foi esta paciência de não ter pressa nem correr, foi a calma de esperar com um sorriso pelo que virá. E é com esta tranquilidade e serenidade que te espero. E que espero reencontrar quando me voltares a abraçar, como se o teu coração embalasse o meu num ritmo diferente de todos os outros. E os teus braços trazem de volta o calor do sol de Verão. E quando chegas tudo está bem.

Por isso eu espero..

Nenhum comentário

Postar um comentário

Moda e Poesias - Design Adorável Design | Design by Szablony